Dimitri Payet : "Não Sou Uma Pessoa Má"

 O francês chegou ao Europeu como um desconhecido e sai com a fama de ter atirado para fora do jogo da final um dos melhores jogadores do mundo.

Dimitri Payet não consegue fugir ao assunto do momento, que é a entrada sobre Ronaldo que impediu o capitão de Portugal de poder jogar a final do Euro 2016.

Apesar de ter sido um dos melhores marcadores da França com três golos e decisivo na caminhada dos franceses até à final com dois golos decisivos - um na estreia na prova contra a Romáenia no último minuto - o jogador do West Ham ficará para sempre lembrado pela entrada dura sobre Cristiano Ronaldo, que impediu o português de continuar em campo.

Sem fugir, Payet tenta defender-se. "Não, foi um apenas um choque, é só isso, ponto. Queria recuperar a posse de bola. Se o lesionei não foi de forma intencional. Não está na minha natureza ser uma pessoa má dentro de campo", justificou-se.

Payet chocou com Ronaldo aos 9 minutos e o avançado de Portugal nunca mais recuperou. Ainda tentou voltar ao jogo, mas aos 25 minutos seria substituído por Quaresma. O português sofreu uma lesão no ligamento lateral do joelho esquerdo, que pode deixá-lo de fora até quatro semanas. 

Texto: Isá Gildo
Share on Google Plus

About Isá Gildo Electromoz

Se me conheces com base no meu passado, permita-me que eu me apresente novamente!