ANGOLA MUSIC AWARDS : VENCEDORES DA EDICÇÃO 2016!

O Pavilhão Multiusos do Kilamba, em Luanda, foi "arrastado" por uma onda musical genuinamente angolana por conta da quarta edição dos prémios Angola Music Awards( AMA), realizado este sábado (30).

O evento dedicado exclusivamente  a premiação da música angolana teve como anfitriões da noite os apresentadores de televisão  Patrícia Pacheco e Daniel Nascimento, que não mediram esforços para tornar especial a noite para cerca de duas mil pessoas presentes na arena. Para Nascimento, "valorização da música angolana e a fusão de estilos" representam a essência do projecto idealizado por Daniel Mendes, mentor dos AMA.

Com mais de 21 categorias, Nsoki, Pérola, Yuri da Cunha  e Matias Damásio acabaram por ser premiados duas vezes cada um, passando a ser automaticamente  os artistas do music-hall angolano mais prestigiados no último ano.

Por outra, apesar da produção do evento ter trabalhado ao mais ínfimo detalhe, maior parte da gala passou a ser a "gala dos representantes", dando-se ao facto da agenda dos artistas com mais nomeações acabaram por colidirem com a noite de premiação. Deste modo, parte substancial da entrega dos prémios foi sentida com a justificação da ausência dos músicos. Ausentes do país. - Uma pena!

Numa noite, onde um glamour da Kianda esteve quase por todo lado, a Platina Line conferiu ao vivo através da emissão pelo Facebook cada momento de umas das maiores noites de premiação da música mwangolê.

Confira abaixo, todos os vencedores da quarta edição dos Angola Music Awards 2016:
Pérola arrebatou dois troféus – “Melhor Artista Feminino” e “Melhor Musica Popular
Nsoki, - “Afrojazz” e “Videoclip do Ano”.
Yuri da Cunha  Mérito Internacional” e “Kizomba do Ano”.
 Matias Damásio”  “Álbum do Ano”. E Musica do Ano .
C4 Pedro, “Melhor Artista Masculino”,
Edy Tussa, “Melhor Semba”,
Mona Nicastro “Melhor R&B – ”,
Prodígio, “Melhor RAP”,
Os Banah, “Melhor Afro House”,
Nelo Carvalho, “Melhor Produtor”,
 Paulo Alves, “Melhor DJ”,
 Dizzi Diddy, “Artista Popular na Net”,
Nádia, “Gospel do Ano”,
 Kiaku Kiadaff, “Show do Mês”,
Africanas, “Grupo do Ano”
Bass, “Artista Revelação”.
 “Kuduro  do Ano” foi atribuída ao grupo Elenco da Paz que, com a música “Arroz, Feijão”, foi efusivamente aplaudido enquanto esteve em palco.
Durante à noite destacam-se ainda as actuações de Paul G, Livong, GV, Tatiana Durão, Bass, Celma Ribas, Afrikanas, Nelo Carvalho, Nsoki, Afro Sound Star, Bass e BBD e a atribuição do “Prémio Carreira” a dupla Filipe Zau e Filipe Mukenga, ambos ausentes na cerimónia.
Fonte: Platinaline
Share on Google Plus

About Isá Gildo Electromoz

Se me conheces com base no meu passado, permita-me que eu me apresente novamente!