The Voice Angola:Mentores orgulham-se Pela Superação dos Candidatos

The Voice Angola: Candidatos orgulham mentores na 2ª noite de batalhas
Luanda 07 de Dezembro de 2015 – Desengane-se quem pensava que seria fácil para os mentores decidirem quem permanece e que sai das suas equipas. Com a performance dos talentos a atingir níveis ascendentes, as batalhas de ontem a noite no Canal Jango Luxo foram marcadas por um equilíbrio tal que obrigou os mentores a precisarem de um pouco mais de tempo do que tem sido habitual, para fazerem as suas escolhas.

Apesar de não ter sido a primeira actuação do episódio de ontem, L´Vincy e Salima Ndangi, da Equipa Walter, protagonizaram um dueto que encheu a sala de emoção, tendo sido considerada a batalha da noite. “Única Mulher” de Anselmo Ralph foi a canção escolhida pelo mentor para pôr à prova o casal de candidatos. Não foi por acaso que, após o fim da performance, Paulo Flores considerou os jovens de especiais, alertando para a necessidade de o mercado musical criar condições para os receber. “ Se o concurso continuar a desvendar talentos assim, era bom que houvesse bandas suficientes para integrá-los, considerou Flores, orgulhoso. Antes que pudesse indicar com quem ficaria, Walter precisou consultar Ana Semedo, a co-mentora da sua equipa, para avaliar qual seria a melhor escolha. O final foi feliz para L´Vincy, o escolhido de Walter após muitas hesitações.

Naquela que foi a primeira performance da noite, Lena Ayres e Djamila Teixeira, também da Equipa Walter, foram chamadas pela apresentadora Dinamene Cruz para interpretar “Titanium” de David Gueta. Com as duas candidatas a apresentarem dinâmicas diferentes, a disputa esteve acesa do início ao fim e teve como vencedora Lena Ayres. Quem também continuou na prova foi Alcides Carvalho da Equipa Yola que esteve melhor que Ricardo Pina na interpretação de “I don´t want miss a thing” de Aero Smith.
Wilton dos Santos e Eliseu Paca da Equipa Dji cantaram, e bem diga-se, “Boa sorte”, original de Vanessa da Mata com a participação de Bem Arper. Foram a dupla que melhor usou o palco, segundo considerou Yola Semedo. Conforme já tinha acontecido com Walter, Dji também precisou consultar o seu co-mentor, no caso o músico Totô que lhe sugeriu ficar com Eliseu Paca. E assim foi: Wilton Santos abandonou o The Voice Angola e o seu oponente continua alimentar esperanças de chegar à final. Quem também continua a sua história no reality é Yuritze Romero da Equipa Paulo que, na imitação de “Você me abana” de Yola Semedo apresentou-se melhor que Filomena Carvalho, de acordo com a avaliação do seu mentor Paulo Flores.
A última dupla a actuar no episódio de ontem teve como protagonistas Carlos Fiel e Esperança Kizango da Equipa Dji. O casal interpretou “Nha vida” da cabo-verdiana Lura e, apesar de forte timbre vocal de Carlos, Esperança não se intimidou e permaneceu segura no seu desejo de continuar na prova e logrou a vitória. “A capacidade de improviso da Esperança foi notável, e isso valeu-lhe a aprovação”, observou a mentora Yola Semedo, momentos antes de Dinamene fechar o programa. 

O próximo episódio das Batalhas do The Voice Angola vai ao ar no dia 13 de Dezembro às 19 horas no Canal Jango Luxo, posição 512 da DSTV.

O The Voice Angola tem como patrocinadores a Delta Cafés, a Universal Seguros, Net One.
Fonte: Platinaline
Share on Google Plus

About Isá Gildo Electromoz

Se me conheces com base no meu passado, permita-me que eu me apresente novamente!